Home.
   
Leia os testemunhos.
Busca por palavra.
Busca por gênero.
Melhores testemunhos.
Mais lidos.
   
Envie seu testemunho.
   
Quem somos.
Fale conosco.
Indique este site.
Receber novos testemunhos no seu email .
   
Livros.
   
Bíblia on line.
Chat.
Cartão Postal.
 

Mande um email para o autor deste testemunho - elogie, apóie, conforte ou saiba maisMaria Inês
Estou aqui hoje para contar para cada um de vocês, os MILAGRES que aconteceram em minha vida... Para que eu pudesse me expressar melhor, resolvi escrever, pois assim, evitaria me perder em emoções, ao contar o que se segue. Meu nome é Maria Inês, tenho 43 anos, moro com minha mãe e um irmão, levamos uma vida simples, e com a graça de Deus, nunca nada nos faltou. Preciso confessar que apesar de minha mãe ser uma católica fervorosa e praticante, já faziam no mínimo uns 15 anos que eu não freqüentava uma igreja. Era fumante deste os 19 anos, enfim, olhando para trás não havia muito para me orgulhar de mim mesma. Sou empresária, tenho um pequeno negócio há quase 20 anos e ao longo deste tempo por muitas vezes fui obrigada a recorrer a bancos para obter capital de giro, cheque especial, etc... nada muito diferente do que acontece por aí, talvez alguns de vocês saibam o quanto difícil é manter um negócio próprio. Para vocês entenderem melhor, o que aconteceu comigo, é preciso que eu volte alguns meses atrás, sendo assim, vou retornar ao dia em que minha VIDA começou a se transformar. Em exatamente 06dez2010 (segunda feira) cheguei ao trabalho não me sentindo muito bem, era uma dorzinha chata, debaixo das axilas, que apesar de não ser forte, era constante. Esta dor já vinha me acompanhando há alguns meses, mas eu deixei de me preocupar com ela, pois havia procurado meu médico e depois de muitos exames, ele havia me tranqüilizado dizendo que provavelmente fosse só stress....me convenci de que era isto mesmo, até porque passava a ser uma preocupação a menos. Enfim, naquela manha a dor persistia, um de meus irmãos me vendo sentada e de cabeça baixa, perguntou o que estava acontecendo, eu disselhe que não estava me sentindo bem, que havia algo errado comigo... no intimo eu comecei a suspeitar de que algo sério estava acontecendo, ele perguntou se eu queria ir ao médico e eu disse que sim, na verdade esta era a segunda vez que eu procurava atendimento de emergência, há uns 15 dias antes fui até o PRONTOMED e após atendimento, nada foi detectado, fui liberada, com a informação de que talvez eu estivesse com algum problema de coluna. Neste dia 06122010, não foi diferente, quando dei entrada, minha pressão foi auferida, o médico de plantão conversou um pouco comigo e mais uma vez estava sendo liberada.... Foram aí que os MILAGRES começaram a se suceder na minha VIDA, antes de me liberar o médico de plantão perguntou se eu queria tomar remédio para dor, apesar de já estar melhor, pois a dor não era constante, respondi que sim, ele pediu então que eu me deitasse em uma maca e foi aplicado um soro, lembrome de dizer para meu irmão, vá embora, isto vai levar muito tempo, eu te ligo quando acabar... ele se recursou a ir embora e disse que me aguardaria... 10 minutos depois eu estava novamente me sentindo mal, retirei o soro por conta própria, comecei a suar frio, minha pressão caiu e minha respiração estava difícil. Comecei a ter MEDO, sabia que algo GRAVE estava acontecendo. Enfim, neste dia descobri que havia enfartado e mais tarde fiquei sabendo que agora só podia contar com 50% do meu coração. O primeiro MILAGRE: Deus me deixou viver !!! ele me deu uma segunda chance ! Foram dias difíceis, fiquei 07 dias na UTI, e fiz uma angioplastia para colocação de um stent. Ainda na UTI recebi a visita de um padre, uma pessoa especial, que faz um trabalho maravilhoso dentro da Santa Casa. Voltei para casa, para minha realidade e tive muitos medos, medo inclusive de não vencer o vício, pois sabia que não deveria mais fumar, minha rotina deveria mudar radicalmente e eu não sabia se conseguiria isto sozinha. Minha mãe e meus irmãos foram fundamentais em minha recuperação. Inacreditavelmente pedi ao senhor, do meu jeito, que me desse força e determinação para não mais acender um cigarro e foi assim, sem sofrimento, de uma forma inexplicável que aconteceu o segundo MILAGRE: Não pensei mais em cigarro, não tive vontade, não sofri para abandonar este vício de mais 20 anos, foi simples assim, como se nunca houvesse fumado. Fiquei de repouso em casa durante 30 dias, em uma manha conversando com minha mãe, disse a ela se eu não comungasse pelo menos uma vez por semana, não agüentaria, estava muito deprimida, chorava com facilidade, parecia que minha vida estava no fim. Ela me perguntou se eu gostaria de receber a unção dos enfermos e eu disse que sim. Para minha surpresa o próprio padre Arlindo esteve em casa para me dar a unção e a comunhão. Eu não o conhecia, mas lembrome de ter me identificado com ele, nos tínhamos algo em comum um “STENT”. O terceiro MILAGRE: Minha reaproximação com DEUS e a igreja, eu sempre acreditei, mas mantinhame distante..., hoje sinto um prazer enorme em freqüentar as missas aos domingos e participar da novena de NOSSA SENHORA DESATADORA DE NÓS as terças feiras. É impressionante a força que sinto quando aqui estou... Após meu infarto, fomos surpreendidos com problema de saúde de minha mãe (fevereiro2011), ela fez um exame de cateterismo e a médica informou que ela deveria ser operada, ela estava na UTI da Santa Casa e já estavam sendo tomadas todas as providencias para cirurgia. Entrei em pânico, comecei a rezar e estive aqui participando da NOVENA exatamente no dia em que recebemos o resultado do exame. Estava muito deprimida, implorava para que Deus a salvasse, minha mãe tem 72 anos e eu tive muito medo... O quarto MILAGRE: No dia seguinte durante a visita, minha mãe mesmo, foi portadora das BOAS NOTÍCIAS, ela nos avisou que os médicos se reuniram e decidiram que não seria necessário operar, que o tratamento seria feito com remédios. Muitas vezes participando das missas e da novena segureime para não chorar, não contei ainda para vocês, mas tive sérios problemas financeiros, em meio a minha fragilidade de saúde, as finanças também começaram a se complicar, minhas dividas chegaram há quase R$ 100.000,00. Desesperador não ??? Não havia mais nada a se fazer, eu não tenho bens, entreguei minha vida totalmente a DEUS e pedi a NOSSA SENHORA DESATADORA DE NÓS que intercedesse por mim, dia 09092011, eu não conseguiria honrar meus compromissos com o banco e as cobranças seriam inevitáveis. Eu já acordava dizendo, Senhor eu confio em ti, mas aumenta minha fé, eu queria me entregar totalmente, mas não conseguia, eu não acreditava neste tipo de milagre (financeiro). O quinto MILAGRE: Semana passada, uma semana antes do vencimento do banco, fui surpreendida com uma ligação informando que eu receberia um valor maior do que o da minha divida. Já paguei ao banco o que devia e tenho tranqüilidade financeira se DEUS quiser por um bom tempo. Agora, olhando para trás é tão fácil perceber que nestes últimos 10 meses, eu nunca estive sozinha, DEUS e NOSSA SENHORA sempre estiveram ao meu lado... tudo que aconteceu comigo foi um MILAGRE DE DEUS, e eu não poderia deixar de dividir isto com vocês, eu me sinto um exemplo de sua BONDADE ! O meu DEUS é o DEUS do impossível! Eu nunca me senti tão forte, tão segura. Eu quero muito mais para minha VIDA e eu sei que com ELE eu posso. Obrigado Senhor ! As vezes eu olho para cada um de vocês, me dá vontade de abraçalos e dizer CONFIA ele vai ouvir suas preces, eu nem sou tão merecedora, mas ele fez tanto por mim. Obrigado Senhor !
Clique aqui e mande este Testemunho por email para um amigo Clique aqui e envie este Testemunho  para um amigo
Clique aqui e imprima este Testemunho
 

Sabado - 17/11/2018 - 23:52:42